OUTUBRO ROSA 2018

Mutirão no Hospital de Câncer atende mais de 120 mulheres

Terça-Feira, 23 de Outubro de 2018, 18h:48 | Atualizado:

Mutirão HC

Ao sair de um dos cinco consultórios médicos do Hospital de Câncer de Mato Grosso, na manhã de sábado (20.10), Joyce Laine Leite, 20 anos, estava mais tranquila por ter tido o encaminhamento necessário ao caso dela: o monitoramento de um nódulo no seio detectado por meio do exame ultrassom. "Estava muito preocupada porque o peito inchou de repente, fui no Posto de Saúde e consegui a requisição para fazer o exame. Agora vou acompanhar e voltar ao médico se houver alguma alteração", disse Joyce mais aliviada.

Assim como esta moça, mais de 120 mulheres de todas as idades foram atendidas no Mutirão do Outubro Rosa 2018, realizado pela MTmamma amigos do peito em parceria com o Hospital de Câncer, em Cuiabá. Uma equipe de cinco médicos especialistas, Luciano Florisbelo e Luis Fernando Correa Barros e os médicos residentes em cirurgia Oncológica, Clarissa Resende Correa, Lucas Miranda e Sheila Queiróz de Campos, atendentes, voluntários e assistidas da Associação de Apoio a Pessoas em Tratamento e Pós-tratamento do Câncer de Mama de Mato Grosso e do grupo Jovens Solidários participaram do mutirão que realizou exames clínicos e definiu os exames específicos para a marcação na Central de Regulação do SUS, na Capital.

A MTmamma deu todo o suporte na recepção, desde as 5h30. Preencheu fichas e ofereceu chá e sanduiches para as pacientes que aguardavam. A associação e os médicos ficaram extremamente satisfeitos com o resultado. "Foi a realização de um sonho de quase dez anos", ressaltou a presidente da MTmamma, Cleuza Dias. "Fui paciente e defendo o trabalho super importante do hospital, como ninguém. Fazer este mutirão era um sonho meu desde que fiz o meu tratamento aqui e fui muito bem atendida. É muito bom ver outras pessoas tendo esta oportunidade", disse Cleuza que também enfrentou câncer de mama.

WhatsApp Image 2018-10-23 at 19.12.54.jpeg

Para os médicos da área, que têm muitas pacientes assistidas pela MTmamma, o mutirão simboliza todo o esforço que a entidade realiza para levar informação e conscientizar a população. "O que vocês fazem é uma das principais necessidades da população: a informação sobre o câncer de mama e sobre o autoexame para a detecção precoce da doença. Muitas mulheres não sabem que este gesto pode salvar uma vida",aponta o mastologista Luciando Florisbelo. "Esta forma de promover a conscientização e alertar para o problema que atinge mais as mulheres, muitas ainda jovens, é o caminho para fazer com o câncer de mama seja desmistificado. Fazer o autoexame, ir ao médco periódicamente são medidas que pode garantir a cura se o câncer for descoberto no início.As irmãs Maria Benvina e Rita Cristina Alves, 57 e 53 anos, respectivamente, também saíram contentes com atendimento rápido. "A espera pelo exame no Posto de Saúde é muito grande. estava há seis meses aguardando me chamar. A oportunidade de fazer aqui foi ótima", disse Maria Benvina.

Mutirão HC


Galeria de Fotos

ENVIE ESTA MATÉRIA

Comentários

Preencha o formulário abaixo e seja o primeiro a comentar esta notícia

COMENTE ESTA MATÉRIA